ADOLESCENTE MORRE, PORTANDO SIMULACRO EM BETIM

POLICIAMG - Equipes policiais.A equipe do Tático Móvel do 33º Batalhão, comandada pelo Sargento Malaquias, realizava patrulhamento nas mediações do Bairro Jardim Teresópolis em Betim, quando foram acionadas por transeuntes, dando conta de que um indivíduo estaria transitando próximo a Avenida Belo Horizonte portando de maneira ostensiva uma sub-metralhadora, seguindo em direção ao Bairro Vila Recreio.

Tais solicitantes, salientaram que existe naquela região, um confronto constante de gangues, que disputam de maneira incessante a tomada de pontos de vendas de drogas. Neste sentido, os nobres militares partiram no rastreamento visando localizar o suspeito. Em dado momento, quando os policiais acessaram a rua Seridó, populares desesperados com a cena que acabaram de ver, acenavam com as mãos para a equipe policial, indicando que um homem portando uma sub-metralhadora acabou de passar próximo a eles, seguindo em direção a Rua Fortaleza no mesmo bairro.

O indivíduo foi avistado pela equipe policial, que deu ordem de parada ao suspeito que foi identificado posteriormente como Pablo R.N.F., 14 anos.

Pablo percebendo que seria abordado, tentou fugir e retirou de baixo de sua camisa uma sub-metralhadora. Os militares percebendo o risco eminente, efetuaram disparos contra Pablo que foi atingido. Pablo foi socorrido pela equipe policial até a UPA Teresópolis, sendo encaminhado posteriormente ao Hospital de Betim, todavia não resistiu aos ferimentos e morreu.

A arma que Pablo portava, se tratava de um simulacro idêntico a arma de fogo.

O caso segue para investigação da Policia Civil e Ministério Público Estadual.