BOMBEIRO MILITAR MORRE ATROPELADO EM BELO HORIZONTE

A Polícia Militar (PM) está à procura de um motorista que invadiu a contramão da avenida Waldir Soeiro Emrich, no bairro Milionários, na região do Barreiro, em Belo Horizonte, na noite desse sábado (11), atingindo e matando o cabo do Corpo de Bombeiros Domingos Santiago Neto, de 37 anos. Após o acidente, o suspeito fugiu do local, sem prestar socorro a vítima.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) foi acionado por pessoas que passavam pela avenida e presenciaram a batida. Porém, o óbito do bombeiro militar foi constatado ainda no local do acidente.

Testemunhas contaram, aos policiais, que Neto seguia em sua moto Yamaha Fazer, quando foi surpreendido por um Fiat Stilo, amarelo, que havia invadido a contração, em alta velocidade, e seguia em sua direção.

Desgovernado, o carro não parou, atingiu a moto e passou por cima da motocicleta. Mesmo com populares gritando, o motorista do veículo não parou para prestar socorro.
A Polícia Militar (PM) foi acionada, realizou rastreamento, mas, até a amanhã deste domingo (11), o suspeito não havia sido encontrado. O corpo de Neto foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML) de Belo Horizonte.