FALSIFICADOR DE CNH SE DÁ MAU COM A ROTAM

Policiais Militares do Batalhão ROTAM, comandados pelo Sargento Flávio, realizaram uma ocorrência que seria comum, se não fosse pelo fato do preso ser reconhecido como suspeito de falsificar documentos de habilitação (CNH).

Tudo começou, quanto a equipe ROTAM, tomou conhecimento, através de um colaborador, dando conta de que marginais no Município de Ravena pretendiam invadir um posto de apreensão de veículos da Policia Rodoviária Federal, para resgatar um automóvel apreendido.

Dois dos suspeitos seriam conhecidos vulgarmente por Julio e Tico Colombiano. Sabedores dos dados, a equipe do Sargento Flávio comunicou o fato a agentes da Policia Rodoviária Federal que se deslocaram ao pátio de apreensão de veículos, juntamente com a equipe de cães da PMMG, onde realizaram uma intensa varredura e nada de ilícito foi encontrado.

Simultaneamente as vistorias no pátio, os rotanianos se deslocaram a zona rural de Ravena, onde localizaram um imóvel, o qual seria usado por Julio. No local o suspeito não foi encontrado, contudo os militares apreenderam  um Rifle Boito de calibre 32. 

Durante as buscas, aportou aos conhecimentos dos policiais, que Julio estaria na residência de Tico, no centro de Ravena, local onde os militares encontram apenas o suspeito Tico, sendo apreendido com ele 03 documentos de habilitação falsos.

Tico contou que comprou os documentos por R$ 1.500 (Mil e quinhentos reais) e foi conduzido para a delegacia para prestar esclarecimentos sobre o uso dos documentos falsificados, contudo na delegacia, acabou sendo reconhecido como o principal suspeito de falsificar e vender as CNH no Município de Ravena e Sabará.