REPORTER DA GLOBO NEWS NÃO DEIXA VITIMA DE ROUBO DAR UM RECADO IMPORTANTE NO RIO DE JANEIRO

Na manhã desta quarta feira (15 de fevereiro) na Avenida Brasil, Zona Portuária do Rio de Janeiro, assaltantes tentaram roubar uma moto, que acabou acionando o alarme, fazendo com que os marginais acabassem levando outro empreendendo fuga pela Avenida.

Todavia os marginais não contavam com a presença de um caminhão da marinha, o qual transportava militares para uma operação de presença e ocupação de zonas de criminalidade no Rio. Os assaltantes atiraram contra os militares que revidaram e balearam um dos infratores que veio a óbito no local.

O advogado Geraldo Freire relata que teve a moto roubada e, na fuga, um dos suspeitos foi baleado. De acordo com as testemunhas, outro motoqueiro foi assaltado à frente, quando os suspeitos entraram em confronto com os militares.

O fato que nos chamou a atenção, foi a reportagem exibida ao vivo pelo canal Globo News. Notem que o repórter diz que DESEJAVA OUVIR UMA DAS VITIMAS E TESTEMUNHA DOS FATOS. A vitima dava um RECADO DE EXTREMA relevância, AGRADECENDO a presença dos militares e avisando para não confrontarem com os agentes da lei, momento em que por algum motivo adverso, o repórter não permitiu que ele concluísse o relato. Assista ao vídeo e tire suas conclusões.