"DEU RUIM DE VEZ": PALOCCI INCRIMINA LULA NA LAVA JATO

site policia mg presidente Lula e ministro Palocci
O ex-ministro da fazenda e da casa civil, Antônio Palocci, homem forte durante o Governo de Lula e Dilma, sendo considerado o braço mais forte de Lula, não resistiu a pressão da operação Lava-jato e resolveu abrir o bico.

Palocci contou nesta quarta-feira (06 de Setembro 2017) para o Juiz Sérgio Moro, que tinha seu codnome "italiano", e deixou claro que o ex-presidente Lula participava das ações de corrupção, sendo ele Palocci um gestor das finanças do amigo Lula.


Palocci relatou ao Juiz que os governos Lula e Dilma foram movidos a propina, chegando a citar a quantia de R$ 300 milhões pagos pela Odebrecht ao partido dos trabalhadores (PT).

Em nota, a defesa do ex-presidente Lula, diz que Palocci mudou o depoimento em busca de tão somente obter benefícios de uma delação premiada.


PoliciaMG Página inicial