POLICIA INVESTIGA CASO ONDE MULHER MORREU POR FALAR ALTO DENTRO DO ÔNIBUS

A Policia investiga a morte de Valdete Lopes, 49 anos, esfaqueada dentro do ônibus coletivo do Move 61, Centro/Venda Nova em Belo Horizonte.

Segundo testemunhas do fato, uma mulher magra estaria cochilando dentro do coletivo, momento em que Valdete começou a utilizar o aparelho celular em alto tom de voz, o que incomodou a mulher que dormia, dando inicio a uma discussão.

site policia mg coletivo venda nova
Todo o fato ocorreu na Avenida Paraná, centro de Belo Horizonte, na manhã do dia 11 de dezembro 2017 (segunda-feira).

A mulher que dormia, após haver discutido com Valdete, pediu ao motorista do ônibus que parasse para que ela descesse, o que foi prontamente atendido, todavia, assim que a porta se abriu, a mulher usando-se de um canivete, desferiu um golpe no tórax de Valdete. Em ato continuo evadiu em fuga em direção a Rodoviária de Belo Horizonte, não sendo mais vista.

Valdete chegou a ser socorrida pelo SAMU e encaminhada ao Pronto Socorro João XXIII, mas não resistiu aos ferimentos e morreu. O canivete usado na ação foi abandonado no local e apreendido pela Policia, que agora analisa o circuito interno de imagens para elucidar os fatos.

PoliciaMG - Seguir este site