EX- GUARDA MUNICIPAL COMETE SUICÍDIO

Um Ex-Guarda Municipal de Belo Horizonte, identificado como Wiberte de 40 anos, cometeu na manhã desta segunda-feira (25 de Março de 2019) auto-extermínio.

Imagem ilustrativa
Tudo aconteceu na casa mãe, localizada no Bairro Santa Helena em Contagem. A mãe do rapaz conta que estranhou o fato do filho Wiberte estar demorando no banheiro, ocasião em que ela abriu a porta e deparou-se com o corpo pendurado, com um cinto amarrado ao pescoço e o registro de água.

A mãe, já idosa, correu a chamou ajuda de vizinhos, que cortaram o cinto. O SAMU foi acionado, contudo constatou o óbito. Testemunhas disseram que Wiberte vinha sofrendo de depressão. Ele foi exonerado na Guarda Municipal de Belo Horizonte em 11 de Agosto de 2015.

Comentários

  1. Cada dia mais aumenta o número de suicídios entre policiais e a segurança pública em geral.

    ResponderExcluir
  2. Meu Deus ainda tem gente pra falar q depressão e frescura.

    ResponderExcluir
  3. Ex GM. Não se pode falar em profissional de segurança mais pois ele não era mais da GCM.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pode sim, pois foi os problemas de saúde que o fez abandonar a instituição.

      Excluir
  4. Triste, suicídio e um problema crônico em agentes de segurança pública,e MTA pressão tanto interna da instituição quanto externa,corregedoria no pé, população que não reconhece nosso trabalho....

    ResponderExcluir
  5. Atirar pedras é fácil ,quero ver vivenciar na pele o dia dia do profissional de Segurança nesse País.

    ResponderExcluir

Postar um comentário